#EP31 – Direitos humanos das estátuas

Movimentos populares na Europa e nas Américas tem atacado monumentos de colonizadores ou figuras históricas ligados a escravidão ou ao genocídio de povos originários. No Brasil, a estátua de Borba Gato em Santo Amaro, entre outras, entrou nesse debate. Qual o papel desse tipo de monumento na cidade? É possível ressignificá-los? O que fazer com eles? Para entender a questão, convidamos a Dra. Paula Vermeesch, professora de história da arte e patrimônio arquitetônico na Unesp.

CIVDADES VISIVEIS EP31 – PAULA VERMEESCH

BIBLIOGRAFIA

MATTOS, Hebe; Dossiê: Estátuas. Conversa de Historiadoras. Disponível em https://conversadehistoriadoras.com/2020/06/21/dossie-estatuas/

VERMEESCH, Paula. Canal no Youtube. https://www.youtube.com/channel/UCQ9gXCFZSk7C3FWCGGUN6LQ

MÚSICAS DO EPISÓDIO

A Cidade Ideal (Saltimbancos)

Estátua (Xuxa)

VINHETA

Reportagem Jovem Pan. https://www.youtube.com/watch?v=lROgQOW48xg&t=54s

Ouça o Cidades Visíveis no site [www.cidadesvisiveis.com.br], no SPOTIFY [ https://open.spotify.com/show/5uBoE8iVPNFsNAEYs359kI] ou no seu agregador de podcasts.

Comentários, críticas ou sugestões para o podcast? Escreva para podcast.cidades.visiveis@gmail.com

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s